Conheça a curva ABC

Publicado por Dygransoft em

Seguindo a Análise de Pareto, este método de classificação foi criado no século XIX, foi realizada uma análise que constatou que 80% da riqueza da população italiana estava nas mãos de apenas 20% de sua população, sendo que boa parte do entendimento da curva ABC se deve a esse estudo de Pareto.

Você vai descobrir que 20% dos seus itens são responsáveis por 80% do retorno que a sua empresa precisa.

Confira como essa ferramenta pode beneficiar sua empresa:

O que é a curva ABC?

A curva ABC é um método criado para classificar os itens imprescindíveis de uma empresa com o intuito de trazer receita e lucratividade.

Em quais áreas da empresa podem ser aplicadas?

De maneira geral, em qualquer forma de agrupamento pode ser utilizada a curva ABC. Seja no momento de pensar clientes, elementos ou fatores que implicam no ganho da empresa. Porém, existem algumas classificações que são mais comuns.

Podem ser, basicamente:

  • Classificação dos produtos existentes em estoque;
  • Descobrir qual é o percentual de cada item no resultado final de seu negócio;
  • Realizar uma classificação dos seus melhores clientes, com o intuito de criar ações de fidelização e também campanhas promocionais focadas nesse melhor público.

Como posso usá-la na gestão de estoque?

Para realizar o controle correto do estoque e dar prioridade àqueles que causam maior volume de vendas.

Essa teoria é a mais recomendada. Obter maior prazo com os fornecedores, receber do cliente o quanto antes e manter o menor capital possível em estoque.

Portanto, ao aprender a ranquear os produtos de seu estoque você será capaz de classificá-los em três categorias: A, B e C.

Grupo A
Os mais importantes, seja em valor ou quantidade, geralmente responsáveis pela maior quantidade das vendas e consequentemente maior retorno financeiro. Geralmente, os produtos listados aqui representa 20% do total ofertado pelo estabelecimento que representam 80% do faturamento (lembre-se da Análise de Pareto!);

Grupo B
São produtos com certa rotatividade, mas que, geralmente, demandam uma maior atenção por possuírem rotatividade de venda menor. A proporção comum aqui é a de que 30% dos itens representam 15% do volume de vendas;

Grupo C
Aqueles produtos que estão parados no estoque, tem uma grande dificuldade de venda, reduzindo o lucro e a rotatividade, sendo os maiores limitadores da empresa.

E com clientes, como usá-la?

Além do uso para o controle de estoque, podemos utilizar para categorizar clientes, que podem se encaixar em três níveis:

Grupo A
São os clientes que mais compram em seu estabelecimento e que juntos representam 20% de toda base e, portanto, 80% de seu faturamento também;

Grupo B
Os clientes que representam 15% do seu ganho real;

Grupo C
Os que encaixam neste perfil são os mais fracos, pois compram menos, com menor frequência e quando o fazem, levam produtos mais baratos. Eles somam, em média, 5% da receita.

Quais vantagens a curva ABC proporciona para a empresa?

Quando bem implementada, a curva ABC garante diversas vantagens para a gestão.

Separamos a seguir 7 dos principais benefícios que a Curva ABC pode trazer. Confira:

1. Estoques mais coerentes com a realidade de vendas
Esse é um erro recorrente, principalmente entre os pequenos empreendedores, que normalmente realizam a gestão de forma bastante intuitiva.

Como essa análise ela ajuda a identificar quais produtos devem ser comprados com maior frequência e quantidade.

Isso faz com que a composição do estoque esteja alinhada à demanda dos clientes, aumentando o índice de atendimento dos pedidos.

2. Redução de desperdícios
Não haverá produtos com pouca procura parados em sua loja, ocupando espaço, nem representando investimentos em vão.

Essa vantagem reflete na gestão financeira, uma vez que a diminuição das perdas também reduz o desperdício de capital.

3. Investimentos mais inteligentes
Em consequência dos tópicos anteriores, o setor de compras passa a ter dados mais acertados a respeito do que precisa ser comprado e em qual frequência isso deve ser feito.

Assim, o capital de giro necessário para abastecer o seu negócio será maior também — ou pelo menos será otimizado.

4. Aumento da margem de lucro
Com as compras feitas de forma mais acertada e a redução dos custos com desperdícios, é seguro afirmar que a lucratividade aumenta.

Os efeitos vantajosos dessa metodologia também podem ser sentidos no setor financeiro que, graças à segmentação de clientes, pode planejar estratégias mais assertivas juntamente com o setor de vendas.

5. Composição de planejamentos mais eficazes do fluxo de caixa
Uma das formas mais eficazes de economizar dinheiro é por meio de uma boa gestão de fluxo de caixa. Ao ter esse controle desde o estoque, suas tomadas de decisões serão mais condizentes com a realidade e necessidades reais da sua empresa.

Qualquer erro na gestão de estoque, além de trazer impactos para os resultados logísticos, pode causar impactos negativos nas áreas de compras, vendas e financeira. Por isso, é sempre importante estar atento às rotinas e garantir um controle eficaz.

6. Avaliação de impactos financeiros
A curva ABC também ajuda a identificar impactos na variação de preços de materiais, por exemplo, é possível descobrir o quanto a oscilação de preços pode comprometer o seu orçamento. Isso melhorar as negociações, e a tomada de decisões.

7. Agilização do processo de entregas
Com a caracterização dos perfis dos consumidores, o processo logístico fica otimizado. Conforme a necessidade de cada um deles, é possível criar procedimentos mais adequados para agilizar as entregas.

Quais os principais erros cometidos durante a análise?

Já vimos que a curva ABC funciona bem na prática e é uma metodologia científica que pode levar a administração de seu empreendimento para outro patamar.

Porém, como em toda regra há exceção, separamos alguns pontos e situações específicas que devem ser levados em conta no momento da investigação. Confira:

Compras em condições especiais:
Ocorre quando seja ela uma ação promocional do fornecedor ou um aumento previsível do preço do produto.

Será preciso analisar bem friamente se essas ofertas aparentemente favoráveis ao seu lucro realmente retornarão ao caixa da empresa.

Fatores como sazonalidade e perecibilidade:
As vendas poderão aumentar para determinados produtos à uma época do ano.
O que não significa que este seja um dado condizente com a realidade do negócio em condições normais.

O tratamento diferenciado com políticas de compra, análise de histórico de vendas com base em períodos anteriores semelhantes e controles administrativos individualizados e rígidos sobre a disponibilidade dos itens em estoque devem marcar a gestão desses itens.

O ideal é ter um nível zerado dos itens com base na previsão de suas datas limites de vendas, caso contrário, o prejuízo será uma realidade da empresa.

Revisão constante devido a mudança de fatores:
É preciso, por fim, que se torne um hábito a revisão de todo o diagnóstico para que o processo não se torne deficitário.

Como sabemos, empreender é a arte de lidar com incertezas e diariamente somos obrigados a encarar cenários diversos.

Por esta razão,  é importante manter o monitoramento e a atualização de acordo com as mudanças — que certamente ocorrerão.

Que ferramentas utilizar para fazer uma curva ABC?

Com o avanço das tecnologias ERP, que possibilitam todo o controle interno da empresa em um único sistema, a formulação da curva ABC já surge automaticamente.

Mas para quem ainda não possui um ERP e precisa mensurar os itens da curva ABC existem outras formas de prepará-la. Um aliado importante para executar essa tarefa é o Excel.

A Dygransoft oferece uma plataforma segura e rápida, que ajuda você a organizar sua empresa em um só lugar.

Com DGE-ERP você tem o ranqueamento dos produtos ou clientes de acordo com a venda no período determinado pelo usuário.

A Dygran desde 1995 acumula competência e experiencia no desenvolvimento de softwares, aplicados à melhoria de processos em empresas comerciais e industriais.

Ajudamos clientes a crescer e a melhorar suas vidas e negócios.

Caso você tenha interesse, solicite uma demonstração para conhecer a nosso sistema, ideal para qualquer empresa, de qualquer tamanho ou setor!

Entre em contato conosco pelo telefone 44 3031-5500 – 988-275820(whats) ou pelo e-mail comercial@dygransoft.com.br.


Dygransoft

Fazemos parte do grupo Dygran, fundado em 1986 sediado na cidade de Maringá – PR. Desde 1995 a Dygransoft acumula competência e experiência no desenvolvimento de softwares de gestão de empresas (ERP). Nossas soluções são distribuídas por todo o Brasil através de parceiros que atendem prontamente a necessidade de cada cliente.

Iniciar Conversa
Precisando de Ajuda
Olá!
Podemos de ajudar?