NF-e 4.0: saiba o que muda com a nova versão da nota fiscal eletrônica

Publicado por Dygransoft em

A NF-e 4.0 é uma nova versão da nota fiscal que vem para substituir a versão atual.

A partir do mês de julho de 2018 a versão da NF-e vai ser atualizada, o modelo mais antigo será desativado e aqueles que ainda não tiverem se atualizado para a 4.0 não poderão mais emitir as suas notas.

Preparamos esse artigo para explicar algumas mudanças dessa atualização e o que vai afetar sua emissão de notas.Confira!

Por que o modelo da NF-e 4.0 foi adotado?

A mudança se deve a atualização da legislação, processos e particularidades fiscais.

Em resumo, várias atualizações foram agrupadas, elas serão colocadas em vigor todas em conjunto através da NF-e 4.0.

Quais são as mudanças da NF-e 4.0?

São várias as mudanças, mas falaremos aqui as principais, aquelas que vão impactar de forma mais direta o seu dia a dia:

Protocolo de comunicação: Adoção do protocolo TLS 1.2 ou superior, a partir de agora, o protocolo SSL não será mais o padrão na comunicação, como era até então, o objetivo é melhorar o controle das transações e evitar vulnerabilidades;

Fundo de Combate à Pobreza: Agora será possível incluir o Fundo de Combate à Pobreza (FCP) na taxa de ICMS, sendo opcional no arquivo XML;

Código GTIN: É o modelo de código de barras que passa a ser obrigatório, seguindo as normas do Cadastro Centralizado de GTIN (CCG). Caso algum produto não tenha o código GTIN, na nota fiscal deve constar como “Sem GTIN”;

Pagamento: Esse campo também muda e passa a ser obrigatório na NF-e, nele, há a previsão do preenchimento de dados com os valores de troco, além de ser preciso informar a forma de pagamento – cartão (débito ou crédito),dinheiro, cheque ou vale-alimentação, isso só era válido na NFC-e sendo agora necessário preencher o “Grupo de Informações de Pagamento” na NF-e;

Campos padronizados: Vários campos da NF-e foram removidos ou alterados, outros adicionados. Alguns destes campos referem-se as modalidades de frete e campos de IPI, que possuem um padrão específico a ser seguido;

Anvisa: O código da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) deve ser informado em um novo grupo chamado “Rastreabilidade de produto” que permitirá rastrear os produtos, esta regra tem valor apenas para a venda de medicamentos.

Quando começam a valer as mudanças?

Essas novidades já estão em vigor mais algumas ainda não são obrigatórias. O ambiente de testes foi habilitado desde o dia 20 de novembro de 2017 e no dia 4 de dezembro de 2017 começou a funcionar na prática o ambiente 4.0.

Por enquanto, são sendo aceitas as duas versões, tanto as notas na versão 3.10 quanto as notas na versão 4.0.

A partir do dia 2 de julho de 2018 o Governo Federal não vai mais aceitar as notas na versão 3.10, todas as notas fiscais passam a ser emitidas no layout da NF-e 4.0.

Portanto, você tem pouco meses para migrar para a NF-e 4.0 e evitar problemas na emissão de notas quando chegar a data limite.

É importante checar se o sistema emissor de notas que você utiliza já disponibilizou a atualização para ficar de acordo com essas mudanças.

Se não vai haver nenhuma alteração nesse sentido, talvez seja um sinal de alerta de que o sistema que você utiliza já está ultrapassado e é preciso migrar para um novo. Esse, inclusive, é o melhor momento para se fazer isso.

A Dygransoft conta com um emissor confiável e totalmente adaptado as regras e mudanças fiscais.

O DGE-ERP é um sistema para emissão e controle de Notas Fiscais, simples e acessível.

Com ele você emite suas notas fiscais em poucos cliques, sem se preocupar com essas atualizações, pois o software faz isso por você.

Caso se você já é cliente Dygransoft, vai continuar vendendo e emitindo suas notas de acordo com legislação vigente, sem nenhuma preocupação.

Se você ainda não for cliente, não perca tempo e evite dores de cabeça, conheça nosso sistema de gestão agora mesmo!

Neste artigo você conferiu as principais mudanças que passarão a valer nesta nova versão, e descobriu como deixar tudo mais simples: usando o DGE-ERP!

Confira nosso artigo “NF-e x NFC-e: você sabe a diferença” clicando aqui.

Confira também nossa tabela de preços para planos de notas fiscais clicando aqui.


Dygransoft

Fazemos parte do grupo Dygran, fundado em 1986 sediado na cidade de Maringá – PR. Desde 1995 a Dygransoft acumula competência e experiência no desenvolvimento de softwares de gestão de empresas (ERP). Nossas soluções são distribuídas por todo o Brasil através de parceiros que atendem prontamente a necessidade de cada cliente.

Iniciar Conversa
Precisando de Ajuda
Olá!
Podemos de ajudar?